domingo, 20 de fevereiro de 2011

"Missão proibida - Apollo 18": Há uma razão para a Nasa jamais ter voltado à Lua

Apollo 18

"Missão Proibida: Apollo 18" acaba de ganhar seu primeiro trailer. O filme ainda está meio cercado de mistérios, já que não sabemos exatamente do se trata. Pelas pistas dadas até agora, trata-se de um triller de ficção científica com toques de suspense e terror. O pôster publicado na internet dá a entender que alguma coisa não humana, talvez um monstro, tenha sido encontrado por lá. A frase acima, no alto do pôster, em inglês, fala que "há um motivo para nunca mais se ter voltado lá".

A última missão do projeto Apollo ao satélite natural da Terra foi a de número 17. Desde então os motivos para os cancelamentos das futuras missões (18, 19 e 20) seriam os cortes no orçamento da Nasa. Na época havia muita dúvida quanto à utilidade dessas missões, já que elas se revelaram pouco úteis.

Na verdade, na época da Apollo 13, a famosa missão que sofreu com diversos problemas e não conseguiu pousar na Lua, o interesse dos americanos e do resto do mundo pelo assunto havia caído. Afinal, que resultados práticos elas tiveram? Quase nenhum. (Tudo bem, foram trazidos de lá mais de 2 mil rochas e com isso mais de 75 novos minerais foram descobertos.)

ATUALIZAÇÃO: Confira aqui o trailer final  do filme.

A ideia de que um dia poderíamos criar uma base em solo lunar fracassou principalmente porque lá não há água suficiente para isso. Mas há quem acredite que algo mais está por trás do cancelamento das missões Apollo 18, 19 e 20. Teria a Nasa encontrado algo lá? Um monstro, uma bactéria terrível e mortal, algum tipo de parasita? Parece que é sobre isso que fala o filme Apollo 18.

O filme deve contestar, em tom de falso documentário, que a missão Apollo 18 não só não foi cancelada, como a  Nasa teria contado com ajuda da União Soviética para resgatar uma nave no satélite e também de corpos alienígenas. A produção será dirigida pelo russo Timur Bekmanbetov e estreará no Brasil em 21 de Abril.